Seu tempo de mercado rental não garante o sucesso de sua empresa!

Seu tempo de mercado rental não garante o sucesso de sua empresa!

Importante saber antes de ler

Tralho desde 2010 com empresas locadoras e desde que entrei uma das coisas que mais ouço é, “respeita o tempo que tenho no mercado rental.” E é exatamente sobre isso que vamos conversar.

Só pra constar

Queria deixar claro que respeito o tempo e experiência que qualquer profissional tenha se dedicado ao setor que trabalha, e acredito que esse tempo, se usado com ‘sabedoria’, é capaz de abrir portas para outros elementos que são fundamentais para o crescimento do seu negócio.

Não é nada pessoal

Esse post não é direcionado à nenhuma dessas pessoas que disseram a frase citada no primeiro parágrafo, ou, foi criado com intuito de afrontar alguma pessoa ou marca. Pelo contrário, nesse post quero compartilhar um exemplo de uma organização, que não é do segmento rental, mas que tinha exatamente esse tipo de pensamento e acabou pagando muito caro por isso.

Quando o “saber de mais” pode te afundar

Criada em 1888 hoje a Kodak era ter 132 anos de existência, isso se não pela arrogância de alguns dos seus sócios em achar que sabiam demais e não precisavam inovar. Só pra que vocês tenham uma ideia, a Kodak era responsável por 90% de filmes fotográficos e 85% das vendas de câmeras nos Estados Unidos. Ou seja, ela era praticamente a dona do mercado de fotografia. Foi ela que em 1975 através de um dos seus engenheiros, Steve Sasson, criou a primeira máquina fotográfica digital que tirava fotos de até 0,1 mega pixel. Em 1986 outra tecnologia, uma câmera de 1 megapixel e em 1991 a primeira câmera digital em que o usuário pudessem ver o que será capturado na hora de tirar fotografia (algo comum para todas as câmeras atualmente).

Em 1979 chegou mais uma tecnologia, o OLED (Diodo Orgânico Emissor de Luz) responsável por melhorar ainda mais a qualidade das imagens. Outras tecnologias foram criadas, inclusive a Quick Take uma máquina fotográfica digital da Apple. Mas aquilo que parecia salvar empresa, acabou o responsável por sua queda no mercado. Mesmo com a criação do EasyShare e uma impressora que podia imprimir quase que instantaneamente as fotos digitais, em 2001 a empresa cai para o segundo lugar no mercado fotográfico. Em 2007 pulo para 4ª posição e em 2011 a empresa que tinha 1,6 bilhões de dólares em caixa, agora contava com apenas 957 milhões de dólares, ela já começava à partir daí a literalmente gastar todo dinheiro do caixa pra tentar manter a empresa no mercado. Mas em 2014 veio a falência, uma empresa com “126 de mercado”, gigante do mercado fotográfico, vai à lona!

O que podemos aprender com isso?

Arrogância e prepotência não leva ninguém à lugar algum. E esse foi um dos grandes erros da empresa. “Nunca confunda sabedoria com conhecimento.” Conhecimento você adquire estudando e lendo livros, já a Sabedoria você adquire admitindo erros e colocando em prática estratégias para mudar de direção.

Dica de amigo

Ouça seus consumidores, pesquise, e não imite a concorrência, temos muito que aprender com esses dois públicos. Busque inovações, mesmo que seja difícil mudar, sabemos que as mudanças geram desconforto no início, mas são necessárias para um crescimento saudável de uma organização. Seja ousado(a), mas também seja cauteloso(a), use novas estratégias, um novo plano de ação, são eles que vão nortear suas decisões.

Pense nisso!

Fonte: Startse